19 episodes

Descobertas científicas, resultados de pesquisas, assuntos do momento e debates que chacoalham o mundo da ciência. O podcast é uma produção da editoria de Ciências do Jornal da USP.

Ciência USP Jornal da USP

    • Education
    • 4.7, 45 Ratings

Descobertas científicas, resultados de pesquisas, assuntos do momento e debates que chacoalham o mundo da ciência. O podcast é uma produção da editoria de Ciências do Jornal da USP.

    Live Ciência USP #01 – Kit covid: o que dizem as evidências

    Live Ciência USP #01 – Kit covid: o que dizem as evidências

    Até hoje não há tratamento medicamentoso que comprovadamente previna ou cure a covid-19 – apenas medidas e medicações de suporte. Mesmo assim, uma parcela da comunidade médica defende o que chama de tratamento precoce. Ele envolve um “kit” contendo drogas sem comprovação científica de eficácia, como vitaminas, antibiótico e vermífugo, além de uma droga usada contra a malária, a hidroxicloroquina, que já foi descartada para uso na covid-19 no mundo todo – com testes em milhares de pacientes mostrando que não traz melhora e pode causar efeitos colaterais sérios.
    Parte da população correu às farmácias atrás dos produtos, seja com receita médica, seja sem, se expondo aos riscos da automedicação. Além disso, o kit já foi distribuído por algumas Prefeituras, planos de saúde, e é defendido por membros do governo federal – o que é alvo de críticas entre cientistas.
    Nesta live, médicos e cientistas discutiram o que se sabe sobre as medicações incluídas no kit, os dilemas da prática médica durante a pandemia e as etapas da ciência que não podem ser puladas para trazer soluções para a saúde.
    Convidados
    Frederico Fernandes é doutor em Pneumologia e médico assistente no InCor do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP). Também atua no Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) e preside a Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia (SPPT).
    Izabella Pena é bióloga e pesquisadora no Whitehead Institute do Massachusetts Institute of Technology (MIT), em Boston, nos Estados Unidos. Atualmente, faz parte da luta pela educação científica  por meio de divulgações em seu canal no YouTube e do trabalho na organização (Contracovid).
    Luis Claudio Correia é doutor e livre-docente em Cardiologia. É professor adjunto e diretor do Centro de Medicina Baseada em Evidências da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública (Bahiana) e editor-chefe do Journal of Evidence Based Healthcare.
    Apresentação e produção: Luiza Caires
    Produção audiovisual: Kleison Paiva
    Edição de vídeo: Thales Figueiredo
    Edição de áudio: Guilherme Fiorentini

    • 1 hr 12 min
    Ciência USP #28: A pandemia da ciência de dados

    Ciência USP #28: A pandemia da ciência de dados

    A produção de dados hoje é algo sem precedentes. Fazemos exames médicos por smartphones, nossos celulares mapeiam nossa localização de hora em hora, agências públicas compartilham grandes bancos de dados com universidades e empresas. Por isso, entre o monitoramento da quarentena, as curvas epidemiológicas e a busca pela vacina, a história da pandemia que estamos enfrentando é também uma história sobre dados. Será que dá para chamar a pandemia de covid-19 de pandemia da ciência de dados?
    Para responder a essa pergunta, conversamos com Helder Nakaya, professor da Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) da USP, e com André Carvalho, professor do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos. Eles deram alguns exemplos da aplicação da ciência de dados no combate à covid-19, incluindo uma ferramenta que ajuda a identificar notícias falsas no WhatsApp.
    Também neste episódio, falamos sobre as novas evidências arqueológicas vindas do México que sugerem que o povoamento das Américas começou há pelo menos 30 mil anos, muito antes do que se imaginava. A arqueóloga Jennifer Watling, pesquisadora do Museu de Arqueologia e Etnologia (MAE) da USP, participou da análise do material das escavações e explicou ao Ciência USP a importância dos novos achados.
    E conversamos também com Mariane Menezes, obstetriz formada pela Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da USP, sobre a saúde das gestantes em tempos de coronavírus. Mariane faz doutorado na Unesp e participou de uma pesquisa que apresenta um indicador preocupante: as mulheres brasileiras representam cerca de 80% das grávidas e puérperas mortas por covid-19 no mundo.
    Apresentação: Silvana Salles
    Produção: Silvana Salles e Giovanna Stael
    Edição de som: Guilherme Fiorentini

    • 24 min
    Ciência USP #27: Dentes que contam histórias

    Ciência USP #27: Dentes que contam histórias

    Arqueólogos são cientistas que procuram pistas sobre o passado humano em restos materiais. Esses restos podem ser cerâmicas, ferramentas, monumentos, terraplanagens, sambaquis e até fósseis de plantas. Podem também ser esqueletos. Neste episódio de Ciência USP, conversamos com dois arqueólogos que estudam o passado a partir das informações que os esqueletos humanos guardam.
    André Strauss é professor do Museu de Arqueologia e Etnologia (MAE) da USP. Rodrigo Elias de Oliveira, além de arqueólogo, é dentista. Os dois fazem parte da equipe do Laboratório de Arqueologia e Antropologia Ambiental Evolutiva (LAAAE) da USP. Junto com pesquisadores da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), eles publicaram um artigo recente em uma revista especializada explicando o curioso caso de marcas de corrosão nos dentes de uma criança que viveu 1500 anos atrás.
    E no nosso boletim da covid-19, perguntamos ao professor Octávio Marques Pontes Neto, da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP, sobre os sintomas neurológicos que o coronavírus provoca.
    Apresentação: Silvana Salles, com participação de Tabita Said
    Produção: Gabriel Guerra, Silvana Salles e Tabita Said
    Edição de som: Guilherme Fiorentini

    • 28 min
    Ciência USP #26: O que racismo tem a ver com violência policial?

    Ciência USP #26: O que racismo tem a ver com violência policial?

    Quando você ouvir este Ciência USP, já terá completado um mês que George Floyd foi morto pela polícia de Mineápolis, nos Estados Unidos. Milhares de cidades americanas terão registrado protestos contra o racismo e a violência policial. Dezenas de países terão declarado apoio ao movimento Black Lives Matter e condenado a brutalidade da polícia americana.
    Infelizmente, a violência policial não está restrita ao Hemisfério Norte. No Brasil, há muitos casos semelhantes ao de George Floyd, em que a ação da polícia resulta na morte de uma pessoa negra, seja adulta ou criança. Foi assim com Guilherme, João Pedro, Ágatha e outros.
    Neste episódio conversamos com dois pesquisadores que estudam a relação entre racismo e violência policial:

    Paulo Cesar Ramos, sociólogo, doutorando da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP;
    Jacqueline Sinhoretto, também socióloga, professora da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

    E das notícias da pandemia veio um debate sobre a eficácia da medição de febre como ferramenta para prevenção da covid-19 em locais públicos. Falamos sobre o assunto com Eliseu Waldmann, da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP.
    Apresentação: Silvana Salles
    Produção: Giovanna Stael e Silvana Salles
    Edição de som: Guilherme Fiorentini

    • 30 min
    Ciência USP em Quarentena: pandemia de sedentarismo

    Ciência USP em Quarentena: pandemia de sedentarismo

    A quarentena é uma medida necessária para organizar o sistema de saúde e cuidar das pessoas em meio à tarefa de conter o novo coronavírus. No entanto, as medidas de distanciamento social não são livres de efeitos colaterais. Com parques, academias e clubes fechados e tanta gente trancada dentro de casa, o educador físico Bruno Gualano teme que a pandemia de covid-19 leve a outra pandemia: a de sedentarismo.
    Bruno Gualano é professor da Faculdade de Medicina (FM) da USP e faz parte do Grupo de Pesquisa em Fisiologia Aplicada e Nutrição, junto com pesquisadores da FM, da Escola de Educação Física e Esporte (EEFE) da USP e de outras instituições. O grupo mantém o perfil Ciência InForma no Instagram e um canal no YouTube.
    Ao Ciência USP, Bruno falou sobre a importância da atividade física para a saúde e como estimular a prática de exercícios de forma democrática.
    Apresentação: Silvana Salles
    Produção: Gabriel Guerra
    Edição de som: Guilherme Fiorentini

    • 13 min
    Webinar Ciência USP #05 – Como ficar bem no meio disso tudo?

    Webinar Ciência USP #05 – Como ficar bem no meio disso tudo?

    Não está descartada a possibilidade de novas quarentenas, ainda que alternadas, mesmo no período após a fase mais crítica da pandemia, que tem sido chamado de o “novo normal”. Pensando no bem-estar em situações assim, nesta edição dos webinars a jornalista Luiza Caires recebe três convidados para falar sobre o tema: Como ficar bem com isso tudo? Saúde física e mental da quarentena ao “novo normal”.
    Três convidados falaram no evento, com mediação da editora de Ciências do Jornal da USP Luiza Caires. São eles:
    Saúde mental – O psiquiatra e professor da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) Guilherme V. Polanczyk explicou as diversas maneiras pelas quais a pandemia atinge a saúde mental e quais as consequências agudas e a longo prazo. Um dos autores do guia Psiquiatria da infância e adolescência, ele também trouxe orientações sobre como cuidar da saúde mental, seja dos adultos, seja das crianças e adolescentes que estão fora da escola presencial.
    Alimentação equilibrada – A nutricionista e doutora pelo Instituto de Ciências Biomédicas (ICB)da USP Desire Coelho discutiu o comportamento alimentar no isolamento falando de fome emocional, dieta e ganho de peso na quarentena. Desire, que é integrante do canal Ciência InForma e autora do livro A dieta ideal, também deu dicas sobre como como organizar a alimentação em períodos como este.
    Atividade física – O professor da FMUSP e profissional de educação física Bruno Gualano ressaltou os riscos da inatividade física à saúde geral em curto e longo prazo, os benefícios de se manter fisicamente ativo, e trouxe algumas maneiras de se exercitar durante o isolamento. Também discutiu questões como o uso de academias, prática ao ar livre, prática de atividade física durante a fase sintomática da covid-19 e nossa resposta imune. Gualano, que também integra o blog Ciência InForma e é um dos autores do livro Exercícios Físicos nas Doenças Reumáticas, falou ainda sobre o trabalho do Grupo de Fisiologia Aplicada e Nutrição da USP neste tema.
    Produção: Luiza Caires e Kleison Paiva
    Mediação: Luiza Caires
    Edição de som: Guilherme Fiorentini

    • 1 hr 3 min

Customer Reviews

4.7 out of 5
45 Ratings

45 Ratings

alivascs ,

Nos aproxima da ciência

Estudo na Universidade Federal do Triângulo Mineiro e sempre ouço esse podcast, que me mantém atualizado e me faz sentir que a ciência é para todos.

rafael_simoes ,

INCRÍVEL

Descobri sem querer olhando a aba de novidades do Itunes e adorei. Os episódios são rápidos e muito interessantes!

Top Podcasts In Education

Listeners Also Subscribed To