50 episódios

Quem são as grandes personalidades negras da História? É para responder a esta pergunta que o escritor Alê Garcia criou este podcast.

Negro da Semana Mídia NINJA

    • Sociedade e cultura
    • 4,9 • 30 avaliações

Quem são as grandes personalidades negras da História? É para responder a esta pergunta que o escritor Alê Garcia criou este podcast.

    NEGRO DA SEMANA - Seu Jorge - NOV/22

    NEGRO DA SEMANA - Seu Jorge - NOV/22

    Jorge Mário da Silva nasceu em 8 de junho de 1970.  Em 1990 ele é mais um homem negro morando na rua. O lugar, o bairro do Méier; a cidade,  Rio de Janeiro; o país, Brasil. Para descolar algo  que lhe garanta o mínimo de subsistência, este homem lava a calçada de um bar onde alguns músicos tocam e também procura outra forma de fazer algum dinheiro ou ter como se alimentar.

    Este homem, naquele momento, literalmente consegue a oportunidade de, às vezes, cantar no bar para poder comer. Alguns anos depois, ele se tornaria um dos mais importantes artistas do Brasil. Cantor, compositor, ator. É por isso que ele, Jorge Mário da Silva, mais conhecido como Seu Jorge, é a personalidade deste episódio de Negro da Semana.


    Curta. Siga. Compartilhe. Avalie.

    ► NEGRO DA SEMANA:

    ▸Instagram: https://www.instagram.com/negrodasemana

    ▸FanPage: https://www.facebook.com/negrodasemana

    ▸Twitter: https://twitter.com/negrodasemana

    ▸Podcast: https://smarturl.it/negrodasemana

    ▸Site: https://negrodasemana.com

    ► ALÊ GARCIA:

    ▸Instagram: https://www.instagram.com/alegarcia

    ▸Twitter: https://twitter.com/alegarcia



    ▸YouTube: https://youtube.com/@oalegarcia


    ▸TikTok: https://tiktok.com/@oalegarcia


    ▸FanPage: https://www.facebook.com/oalegarcia

    ▸Site: https://alegarcia.com

    ► APOIE:
    Se você puder, apoie este podcast para continuarmos a produzir o melhor conteúdo sobre cultura negra:

    APOIA-SE: https://apoia.se/alegarcia
    PICPAY: https://picpay.me/oalegarcia

    • 40 min
    Trailer Negro da Semana

    Trailer Negro da Semana

    Quem são as grandes personalidades negras da História? Foi para responder a esta pergunta que Alê Garcia criou este podcast.

    • 1m
    NEGRO DA SEMANA - Augusta Mulata - S03EP#01

    NEGRO DA SEMANA - Augusta Mulata - S03EP#01

    Rio de Janeiro, 1885. Berço de cerca de 520 mil habitantes. Ainda estamos antes da proclamação da República, o que só vai acontecer em 1889. A cidade é, portanto, a capital do império.

    Uma prostituta negra e depois dona de casa de prostituição que viveu no Rio de Janeiro, nesta época, e cujos passos podem ser acompanhados até pelo menos o ano de 1909, através de jornais, nos possibilita ter certa noção de como era a vida de uma mulher negra do ambiente do meretrício: Augusta de Campos, conhecida como Augusta Mulata.

    Embora a história de Augusta Mulata seja contada por meio de pequenos fragmentos em notícias de jornais, não se nos revelando muita coisa sobre seu passado, como idade, data de nascimento, nacionalidade ou naturalidade, as partes soltas apresentadas já compõem por si só uma história de sucesso.

    Essa trajetória, retratada por sujeitos empenhados em desqualificar mulheres negras e prostitutas e em perpetuar racismo e sexismo, mostra e nos faz compreender, até certo ponto, que Augusta soube usar as adversidades impostas a pessoas como ela para transformar a realidade em que vivia.

    Augusta Mulata nos apresenta o universo da prostituição que vai além do simples jogo de extremos entre mulheres brancas e negras versus polícia e sociedade burguesa. Sua história toca no cerne do significado de ser mulher, negra, pobre e prostituta, dentro de um território que perseguia e tentava invisibilizar sujeitos como ela.

    É pra conhecer mais a história da Augusta Mulata que existe este episódio de Negro da Semana.

    Este episódio faz parte da Temporada Especial em parceria com a editora Jandaíra. É uma adaptação das histórias presentes no livro "Uma nova História, feita de Histórias: Personalidades negras invisibilizadas da História do Brasil", organizado por Djamila Ribeiro, Lizandra Magon de Almeida e Maurício Rocha.

    A história de Augusta Mulata é baseada no texto "Por entre fatos e boatos: Augusta Mulata e a prostituição de mulheres negras no Rio de Janeiro da Primeira República", de autoria de Beatriz Prechet.

    Curta. Siga. Compartilhe. Avalie.

    ► NEGRO DA SEMANA:

    ▸Instagram: https://www.instagram.com/negrodasemana

    ▸FanPage: https://www.facebook.com/negrodasemana

    ▸Twitter: https://twitter.com/negrodasemana

    ▸Podcast: https://smarturl.it/negrodasemana

    ▸Site: https://negrodasemana.com

    ► ALÊ GARCIA:

    ▸Instagram: https://www.instagram.com/alegarcia

    ▸Twitter: https://twitter.com/alegarcia

    ▸FanPage: https://www.facebook.com/alegarcia1707

    ▸Site: https://alegarcia.com

    ► APOIE:
    Se você puder, apoie este podcast para continuarmos a produzir o melhor conteúdo sobre cultura negra:

    APOIA-SE: https://apoia.se/alegarcia
    PICPAY: https://picpay.me/oalegarcia
    PATREON: https://www.patreon.com/alegarcia

    • 30 min
    Conheça meu novo podcast: Drive Your Funky Soul

    Conheça meu novo podcast: Drive Your Funky Soul

    Já estão disponíveis os episódios de Drive Your Funky Soul: Como Nasceu a Black Music, meu novo podcast!

    No Drive Your Funky Soul, eu trago histórias sobre os grandes nomes do funk, do soul, do rap, do r&b, em episódios repletos de música, acompanhando a black music desde os Estados Unidos, com nomes fundamentais como James Brown, Ray Charles, Stevie Wonder, Grandmaster Flash, até chegar ao Brasil, pra falar de Wilson Simonal, Jorge Ben, Tim Maia, Black Rio, o nascimento do funk carioca e como a música negra vem evoluindo todos os dias para ser hoje o gênero mais consumido no mundo!

    Drive Your Funky Soul é um exclusivo da Orelo. Então, se você ainda não baixou o app da Orelo, faça agora pra começar a escutar Drive Your Funky Soul: como nasceu a black music.

    ACESSE AGORA: https://escute.orelo.audio/alegarcia

    Baixe Orelo: https://www.orelo.audio

    • 4 min
    NEGRO DA SEMANA - Edição Especial - Panteras Negras

    NEGRO DA SEMANA - Edição Especial - Panteras Negras

    Poucos aspectos da história norte-americana são tão opacos quanto a história do Partido dos Panteras Negras. Sua incrível trajetória de ascensão e queda, e o encerramento definitivo das atividades, em 1982, de forma praticamente anônima, vem sendo disputada e fixada por duas narrativas principais: a primeira narrativa, sustentada pelo FBI e repercutida pela cobertura jornalística, minimiza os Panteras Negras a uma ameaça à segurança nacional.

    Já a segunda narrativa é sustentada por todos aqueles associados aos estudos afro-americanos, e vincula os Panteras Negros a um projeto de busca da unidade e do orgulho racial.

    As duas narrativas são redutoras da complexidade sobre as contribuições, convicções e lutas dos Panteras Negras, a organização militante de poder negro mais influente da sua época. Embora haja tantas referências icônicas aos Panteras, que o diga a saudação de punhos erguidos e o imperativo de Black is Beautiful, ninguém mantém ou deve reivindicar o seu espólio, principalmente os promotores da chamada 'thug life', tão sedentos em atrelar o legado dos Panteras Negras a um sistema comercial e capitalista, tão distante da agenda e crenças do partido.

    O Partido dos Panteras Negras lançou mais de 35 Programas de Sobrevivência e forneceu ajuda à comunidade, como educação, teste de tuberculose, abrindo clínicas de saúde gratuitas em uma dúzia de cidades atendendo milhares de pessoas que não podiam pagar, além de assistência jurídica, assistência de transporte, serviço de ambulância e a fabricação e distribuição de calçados gratuitos para pessoas pobres.

    É fácil relacionar o poder da organização ao vertiginoso crescimento de uma estrutura que se mostrou tão organizada quanto o Partido dos Panteras Negras. Rapidamente, eles cresceram de uma estrutura baseada em Oakland para uma organização internacional com sedes em 48 estados na América do Norte e grupos de apoio no Japão, China, França, Inglaterra, Alemanha, Suécia, Moçambique, África do Sul, Zimbábue, Uruguai e outros lugares.

    É pra conhecer mais a história dos Panteras Negras que existe este episódio de Negro da Semana.

    ESTE EPISÓDIO FAZ USO EDITORIAL DAS SEGUINTES MÚSICAS e ÁUDIOS:

    "Give More Power To The People" - Chi Lites https://open.spotify.com/track/0dVabf3Sm1uHODq1vz2Lts?si=cd654fc3bfa545be

    "We Know We Have To Live Together" - Eugene Blacknell
    https://open.spotify.com/track/6MFpzoxHlwKhyv4UglbTY9?si=86169e36feb44e23

    "Flower Child"- David Ruffin
    https://open.spotify.com/track/4hfWMvy24fC8ARALw0K81f?si=b372eacccf8c43cd

    "Plastic Man"- The Temptations
    https://open.spotify.com/track/4grYbgvt7AoHGZnvV4jaUS?si=43b6b23f66c4460d

    "Help the People" - Reuben Howell

    "Blowin in the Wind"- Bob Dylan
    https://open.spotify.com/track/18GiV1BaXzPVYpp9rmOg0E?si=fd0cf34b710b4819

    "My People Hold On"- Eddie Kendricks
    https://open.spotify.com/track/5zKAlrdrdEkBkylhwT3cqH?si=0d83901066a84ee0

    "Pronunciamento de J. Edgar Hoover sobre The Black Panthers Party"
    https://www.youtube.com/watch?v=GfKK2RsDglU

    "Black Maybe" - Syreeta
    a...

    • 38 min
    NEGRO DA SEMANA - Mãe Menininha do Gantois - S02EP#02

    NEGRO DA SEMANA - Mãe Menininha do Gantois - S02EP#02

    Admirada pela sabedoria, gentileza, conhecimentos, humildade e pulso firme, Mãe Menininha do Gantois foi a grande responsável pela difusão e popularização do candomblé no Brasil, tendo sido amiga e conselheira espiritual de várias personalidades ilustres, a exemplo de Jorge Amado, Vinicius de Moraes, Dorival Caymmi, Zélia Gatai, bem como Caetano Veloso, Gilberto Gil e Maria Bethânia, verdadeiros devotos.

    Mais do que superar preconceitos e afirmar o candomblé como símbolo da cultura negra, Mãe Menininha abriu a religião para novos seguidores.

    "Na Bahia, Menininha do Gantois está acima de toda e qualquer divergência de ordem política, econômica e religiosa. É a ialorixá de todo o povo da Bahia, sua mão se estende protetora sobre a cidade. Não se trata nem de misticismo, nem de folclore e, sim, de uma realidade do mistério baiano", disse Jorge Amado.

    É pra valorizar o legado e a figura fundamental da mais notável mãe-de-santo do Brasil, que Mãe Menininha do Gantois é a personalidade deste episódio de Negro da Semana.

    FONTES:

    "Mãe Menininha do Gantois: Uma Biografia". Cida Nóbrega e Regina Echeverria. Editora Corrupio e Ediouro

    https://historiasdopovonegro.wordpress.com/fe-2/a-mae-da-sabedoria

    https://pt.wikipedia.org/wiki/M%C3%A3e_Menininha_do_Gantois

    https://web.archive.org/web/20070802073954/http://www.palmares.gov.br/005/00502001.jsp?ttCD_CHAVE=397

    http://antigo.acordacultura.org.br/herois/heroi/menininhadogantois

    https://www.otempo.com.br/diversao/magazine/a-ialorixa-do-brasil-1.315900#

    http://basilio.fundaj.gov.br/pesquisaescolar/index.php?option=com_content&view=article&id=717:mae-menininha-do-gantois&catid=48:letra-m

    http://terreirodogantois.com.br/index.php/o-terreiro/

    Curta. Siga. Compartilhe:⠀
    •⠀
    ✽ NEGRO DA SEMANA:⠀

    ▸Instagram: https://www.instagram.com/negrodasemana⠀

    ▸FanPage: https://www.facebook.com/negrodasemana ⠀
    •⠀
    ▸Twitter: https://twitter.com/negrodasemana ⠀
    •⠀
    ▸Podcast: https://smarturl.it/negrodasemana
    •⠀
    ▸Site: https://negrodasemana.com/⠀
    •⠀
    ✽ ALÊ GARCIA:
    •⠀
    ▸Instagram: https://www.instagram.com/alegarcia
    •⠀
    ▸Twitter: https://twitter.com/alegarcia ⠀
    •⠀
    ▸FanPage: https://www.facebook.com/alegarcia1707⠀
    •⠀
    ▸Site: https://alegarcia.cc

    ►APOIE:
    Se você puder, apoie este podcast para continuarmos a produzir o melhor conteúdo sobre cultura negra:

    APOIA-SE: https://apoia.se/negrodasemana
    PICPAY: a...

    • 25 min

Opiniões de clientes

4,9 de 5
30 avaliações

30 avaliações

eduardo.lisboa ,

Recomendado para o mundo todo

Conteúdo de altíssima qualidade. Estou maratonando todos.

Anaxcarol ,

Necessário é muito bom

Podcast muito necessário para qualquer pessoa, com personalidades essenciais para a cultura Preta. Estou amando e ouço todos os dias

Sapo#26 ,

Necessário, mas...

Assinei e vou ouvir tudo, mas em casa. O som está bem baixo, não consegui ouvir no metrô / rua, por exemplo.

Top podcasts em Sociedade e cultura

Rádio Novelo
Jovem Nerd
Globoplay
Jovem Nerd
Cláudio Moreno & Filipe Speck
Globoplay

Mais de Half Deaf

Globoplay
Farra
Imagina Juntas
Revolushow
Editora Boitempo
HD1