22 episódios

Entrevistas e bate papos realizados pelos Arquitetos da Saúde, Adriano Londres e Luiz Feitoza

Arquitetos da Saúde Arquitetos da Saúde

    • Gestão

Entrevistas e bate papos realizados pelos Arquitetos da Saúde, Adriano Londres e Luiz Feitoza

    Plano de saúde empresarial: Implementando mudanças

    Plano de saúde empresarial: Implementando mudanças

    Quando o RH vai propor uma mudança no plano de saúde, é quase sempre traumático! Isso acontece principalmente porque esse é um assunto que só vai adiante com o apoio da organização e muitas vezes falta entendimento. Além de ser um tema complexo, ele trata de questões difusas, como a saúde das pessoas. Outro aspecto importante é que é preciso tempo e disciplina para colher resultados. Há também o alinhamento entre a visão da empresa e a necessidade de se fazer mudanças. A apresentação das defesas precisa ser bem embasada, pois não fazer nada tem consequências mais sérias do que o risco de tentar fazer. Saiba mais sobre o tema!

    • 6 min
    Reflexões da quarentena

    Reflexões da quarentena

    Foi revogado judicialmente um parágrafo da RN 195 da ANS, que determina que contratos coletivos só poderiam ser rescindidos imotivadamente após 12 meses. Pode ser que a partir de agora as multas de rescisão em contratos coletivos deixem de existir. Analisando dados públicos referentes a 43,5 milhões de beneficiários, percebemos entre outras coisas que as segmentações exclusivamente ambulatorial ou exclusivamente hospitalar, apesar de serem opções interessantes de contratação, representam menos de 4% e menos de 1% dos contratos, respectivamente. Por que isso acontece?

    • 4 min
    Conceito de avaliação em gestão de programas de saúde

    Conceito de avaliação em gestão de programas de saúde

    Quando uma empresa decide implantar um programa de gestão de saúde para os colaboradores é importante que antes faça o mapa do perfil epidemiológico desta população. A partir daí é que se definem as prioridades de gestão, investimentos, roi, metodologia, taxa de adesão e outras considerações necessárias ao planejamento do programa. O resultado a ser medido será baseado naquilo que foi pactuado antes, oferecendo melhorias para quem aderiu.

    • 8 min
    Desregulamentação do corretor de seguros

    Desregulamentação do corretor de seguros

    Recentemente o Governo Federal publicou a MP 905, que desregulamenta o corretor de seguros no Brasil. Na visão dos Arquitetos da Saúde, para o profissional que entrega bons serviços nada muda na prática. O que passa a valer é a qualidade do serviço prestado e não mais o registro para se iniciar a atuação.

    • 7 min
    Reajuste dos individuais, segmentação e distribuição de faixas

    Reajuste dos individuais, segmentação e distribuição de faixas

     De um lado um consumidor de um plano de saúde individual e do outro uma operadora de planos de saúde. É certo, é justo que o agente regulador calcule o reajuste dos planos neste modelo de relação? E as discussões recentes para incluir novas segmentações assistenciais nos planos? É uma alternativa que vale a pena? E a distribuição das dez faixas etárias reguladas pela ANS mais o estatuto do idoso? É certo? Ou é justo? 

    • 5 min
    A importância da política de benefícios

    A importância da política de benefícios

    Qual a motivação de uma empresa para oferecer o benefício do plano de saúde aos seus colaboradores? Cumprimento de obrigações? Retenção de talentos? Para cada resposta existem caminhos a serem pensados. Uma política de benefícios oferece boa parte deles. Sem ela, ao contrário, o produto pode estar desalinhado com o que de fato se quer oferecer. Em outras palavras, a política é a oportunidade da empresa para a construção de um ambiente propício à gestão dos benefícios.

    • 13 min

Top de podcasts em Gestão