12 episodes

Sejam bem-vindos ao Corporate Venture Cast, o primeiro podcast com o objetivo de debater e fomentar o corporate venture no Brasil. O podcast é produzido pela MSW Capital, uma gestora de venture capital especializada em atuar com corporações em sua estratégia de inovação através de investimentos em startups.
Esperamos contribuir com executivos que estejam estruturando ou liderando um programa de Corporate Venture e principalmente com empreendedores em captação de recursos.

Créditos: Edição de som por Cristiano Caldeira

MSW Corporate Venture Cas‪t‬ Podcast MSW

    • Entrepreneurship

Sejam bem-vindos ao Corporate Venture Cast, o primeiro podcast com o objetivo de debater e fomentar o corporate venture no Brasil. O podcast é produzido pela MSW Capital, uma gestora de venture capital especializada em atuar com corporações em sua estratégia de inovação através de investimentos em startups.
Esperamos contribuir com executivos que estejam estruturando ou liderando um programa de Corporate Venture e principalmente com empreendedores em captação de recursos.

Créditos: Edição de som por Cristiano Caldeira

    E11 :: Pedro Vasconcellos :: Pearson, Vice-Presidente de Ventures e Investimentos

    E11 :: Pedro Vasconcellos :: Pearson, Vice-Presidente de Ventures e Investimentos

    Neste episódio conversamos com Pedro Vasconcellos, Vice-Presidente de Ventures e Investimentos de uma das maiores empresas de educação do mundo a Pearson. Pedro é o responsável pelo programa de Corporate Venture Capital da Companhia e entre outros assuntos conversamos sobre: sua  carreira multidisciplinar, história da Pearson, benefícios e desafios como head de CVC, a tese de inovação e investimento, as empresas de educação no Brasil e o CVC, ser investidor minoritário em uma startup, como engajar as unidades de negócio da empresa “mãe” ao braço de CVC, caso de sucesso, recomendação para executivos que estão com a missão de estruturar um programa de CVC e muito mais. No bate-bola final falamos de hábito, série de TV e referência em empreendedorismo. Espero que gostem. 

    • 54 min
    E10 :: Richard Zeiger :: Sócio MSW Capital

    E10 :: Richard Zeiger :: Sócio MSW Capital

    Esse episódio é um bônus track. No final de 2020 o NeoFeed gravou um podcast ("Café com Investidor") com o sócio da MSW Richard Zeiger que contou um pouco da jornada da MSW no mercado de inovação corporativa, o atual fundo Multi-Corporate Venture do qual a MSW é gestora -  BR Startups - e os planos para o futuro. O Neofeed gentilmente nos cedeu o audio e o transformamos no Episódio 10.  

    "A gestora que uniu BV, Algar, Microsoft e BB Seguros para investir em startups"

    A MSW Capital gere o BR Startups, um fundo multicorporate venture que reuniu grandes empresas e que investiu em 15 startups. Agora, a gestora está captando um novo fundo de R$ 100 milhões e quer repetir a estratégia. O sócio Richard Zeiger conta os planos ao Café com Investidor

    Grandes corporações criaram estratégias para se aproximar dessas novatas inovadoras, através de uma série de programas, que vão desde a aceleração até o corporate venture capital. Mas, em 2015, o mato ainda estava alto nessa área. E poucas empresas pensavam em se aproximar de startups. Foi quando a MSW Capital, na época uma boutique de fusões e aquisições, herdou do Banco Espírito Santo, que faliu, o BR Startups, um programa que contava com a Microsoft e Qualcomm Ventures.

    “Era uma oportunidade de transformar esse fundo, que era um venture capital comum”, diz Richard Zeiger, sócio da MSW Capital, ao Café com Investidor, programa que entrevista os principais gestores de venture capital do Brasil, do NeoFeed. “Transformamos em um fundo multicorporate venture.”

    A MSW Capital, então, “pivotou”, deixou de ser um boutique de M&A e entrou no corporate venture capital. A partir daí, trouxe novos investidores ao BR Startups, como o BV (ex-Banco Votorantim), a Monsanto (hoje Bayer), a Algar e a BB Seguros.

    O fundo, que era de R$ 10 milhões, passou para R$ 35 milhões e passou a contar com um comitê de investimentos em que os cotistas decidem em que empresas fazer os aportes. O objetivo é buscar sinergias com as empresas que investem no fundo. O portfólio conta atualmente com 15 startups, como Carflix, Árvore Educação, Olivia, QueroQuitar, entre outras startups.

    A MSW Capital está dando, agora, um novo passo. A gestora está captando seu segundo fundo de R$ 100 milhões. Até o fim deste ano, a expectativa é de fazer o primeiro fechamento com R$ 30 milhões.

    A tese do novo fundo seguirá a mesma do primeiro. O plano é reunir grandes empresas para investir em conjunto e buscar sinergias com o negócio dessas corporações. “A essência de ter corporações com investidores permanece”, diz Zeiger. “Essa é a hora do corporate venture no Brasil.”

    A diferença é que, além do seed money, a MSW Capital quer entrar em Séries A. O cheque vai ficar entre R$ 2 milhões e R$ 5 milhões. O número de startups investidas deve se situar casa das 15 empresas. No momento, a gestora negocia com várias empresas e diz que deve anunciar os primeiros cotistas em breve.

    Nesta entrevista, que você assiste no vídeo acima, Zeiger discute também as estratégias de grandes empresas para investir em startups. Ele fala ainda das diferenças entre fusões e aquisições e de corporate venture. E diz o que considera a principal vantagem de manter uma fatia minoritária de uma startup.

    E concluiu: “Não existe estratégia certa ou errada. O mais importante de tudo é fazer e começar de algum lugar’, afirma Zeiger, referindo-se ao corporate venture. “No mínimo, vai se aprender muito.” Assista ao vídeo completo acima.

    https://neofeed.com.br/blog/home/a-gestora-que-uniu-bv-algar-microsoft-e-bb-seguros-para-investir-em-startups/

    • 43 min
    E9 :: Carolina Morandini :: Wayra VIVO :: Head de Portfolio e Startup Scout

    E9 :: Carolina Morandini :: Wayra VIVO :: Head de Portfolio e Startup Scout

    No episódio 9 conversamos com uma das empresas pioneiras em Corporate Venture Capital no Brasil. Carolina Morandini é a Head de Portfólio e Startup Scout da Wayra, hub de inovação aberta e braço de CVC da VIVO/ Telefônica que já investiu em mais de 70 startups no Brasil.  Carol nos contou um pouco sobre: sua trajetória; como a Wayra desenvolveu seu negócio ao longo desses 8 anos de atuação, principais objetivos em CVC; por que o CVC começa a ganhar espaço no Brasil agora; como atuar no engajamento das unidades de negócios; retorno estratégico X financeiro; o que buscam nas startups na hora de investir, cases de sucesso, recomendações para quem está começando um Programa de CVC.  Para finalizar, o bate-bola final com dicas de série e referência em empreendedorismo.

    • 46 min
    E8 :: Renato Pereira :: Mercado Livre :: Diretor de Desenvolvimento Corporativo

    E8 :: Renato Pereira :: Mercado Livre :: Diretor de Desenvolvimento Corporativo

    No episódio 8 tivemos uma excelente conversa com o Renato Pereira, Diretor de Desenvolvimento Corporativo do Mercado Livre que cuida do Corporate Venture Capital da maior empresa da América Latina. Renato nos contou um pouco sobre: sua carreira, seu papel, principais desafios, a atuação do ML em CVC, o que buscam nas startups, atuação como investidor minoritário, cases de sucesso, engajamento das unidades de negócio, benefícios e dicas para quem está começando um CVC e para finalizar, o bate-bola final com dica de série e referência em empreendedorismo.

    • 47 min
    E7 :: Clau Sganzerla :: Grupo Algar, Vice Presidente de Estratégia

    E7 :: Clau Sganzerla :: Grupo Algar, Vice Presidente de Estratégia

    No espisódio 7, Clau nos conta um pouco sobre o que levou o Grupo Algar a se tornar uma referência em Corporate Venture Capital no Brasil.  A conversa se deu em torno dos seguintes temas:  carreira, o grupo Algar e suas áreas de atuação; os desafios da liderar a estratégia de um grande grupo; tendências em Telecom;  inovação aberta,  M&A X investimento em startups;  benefícios para uma grande corporação em se fazer CVC, começar via um fundo Multi Corporate;  o que a Algar busca nas Startups ao selecionar investimentos;  recomendação para o executivo que está iniciando um programa de CVC; e para finalizar o bate-bola final com dicas de leitura, séries e mais. 

    • 34 min
    E6 :: Claudio Terra :: Hospital Albert Einstein, Diretor de Inovação e Transformação Digital

    E6 :: Claudio Terra :: Hospital Albert Einstein, Diretor de Inovação e Transformação Digital

    Neste episódio, Claudio Terra,  executivo que lidera a iniciativa de Corporate Venture Capital do Einstein, nos conta um pouco sobre: sua carreira;  as transformações e tendências tecnológicas no mercado da saúde; o impacto delas e do Covid-19; a iniciativa de Empreendedorismo do Eretz.Bio do Einstein; quais as características buscam para investimento em startups de saúde;  casos de sucesso;  os desafios do Corporate Venture Capital e faz recomendações para executivos que estão iniciando um programa de CVC nas suas empresas.   

     

    • 44 min

Top Podcasts In Entrepreneurship