445 episódios

Um programa que explica como funciona a Ciência. A Ciência faz parte do nosso dia-a-dia. Vivemos imersos num mar de idéias, objetos e instrumentos que definem muito do que somos e fazemos, mas muitas vezes não compreendemos todo seu significado. Numa atmosfera descontraída - como numa roda de mate - cientistas conversam sobre assuntos do momento e tentam preencher as lacunas deixadas pelo sistema educacional e pela desinformação dominante na mídia. Por que saber é um direito de todos.

Fronteiras da Ciência Fronteiras da Ciência/IF-UFRGS

    • Ciência
    • 4.7 • 398 avaliações

Um programa que explica como funciona a Ciência. A Ciência faz parte do nosso dia-a-dia. Vivemos imersos num mar de idéias, objetos e instrumentos que definem muito do que somos e fazemos, mas muitas vezes não compreendemos todo seu significado. Numa atmosfera descontraída - como numa roda de mate - cientistas conversam sobre assuntos do momento e tentam preencher as lacunas deixadas pelo sistema educacional e pela desinformação dominante na mídia. Por que saber é um direito de todos.

    Frontdaciência - T11E40 - O melhor da década (editorial)

    Frontdaciência - T11E40 - O melhor da década (editorial)

    Neste último episódio do ano, o FrontdaCiência reúne toda a equipe para um editorial - que é quando conversamos apenas entre os quatro. O assunto: o melhor da ciência e da tecnologia da década. Conversando, Carolina Brito, Jeferson Arenzon e Marco Idiart, do Instituto de Física, e Jorge Quillfeldt, do Instituto de Biociências, todos da UFRGS.
    Produção e edição: Jorge Quillfeldt
    Créditos da Imagem: montagem fotográgica de Meilan Solly (Smithsonian Institution, 2019)

    Frontdaciência - T11E39 - Miriani Pastoriza, Parte II, o Brasil na era dos telescópios gigantes

    Frontdaciência - T11E39 - Miriani Pastoriza, Parte II, o Brasil na era dos telescópios gigantes

    Esta é a segunda parte da entrevista com a astrônoma da UFRGS Miriani Pastoriza, onde ela conversou com Jorge Quillfeldt (IB-UFRGS) e Carolina Brito (IF-UFRGS). Já pesquisadora de renome internacional, Miriani relata seu achado seguinte, publicado em 1970, de uma galáxia com linhas espectrais variáveis, algo que causou grande polêmica na época, e cuja causa - presença de superburacos negros no núcleo - somente mais tarde viria a ser confirmada. A perseguição pela ditadura argentina, a chegada ao Brasil, na UFRGS, e a retomada dos trabalhos junto aos observatórios do Morro Santana (Porto Alegre) e Pico dos Dias (Itajubá). A partir de seu trabalho no telescópio chileno de Cerro Tololo, Miriani acabou tendo um protagonismo decisivo para a entrada do Brasil na era dos grandes telescópios, primeiro integrando o consórcio internacional Gemini, com dois telescópios de 8,1m de espelho, um em cada hemisfério, e, a seguir, participando do projeto do telescópio SOAR (4,1m), situado no Cerro Pachón. A entrevista se encerra com uma esclarecedora discussão sobre as dificuldades enfrentadas ao longo do tempo pelas mulheres, especialmente as sul-americanas, no campo da astronomia e astrofísica.
    Produção e edição: Jorge Quillfeldt
    Créditos da Imagem: Gemini/NSF/AURA (https://www.aura-astronomy.org/centers/nsfs-oir-lab/gemini-observatory/)

    Frontdaciência - T11E38 - Deu pro Ebola, então?

    Frontdaciência - T11E38 - Deu pro Ebola, então?

    Este episódio foi gravado em 16 de janeiro de 2020, apenas três dias depois dos primeiros casos de COVID-19 serem detectados fora da China, na Tailândia. Ou seja, quase dois meses antes da COVID-19 ser declarada uma pandemia. Esperamos quase 10 meses para veiculá-lo pois pareceria esquisito falar sobre o ebola no meio de uma crise de saúde publica tão séria devido a um outro vírus. A crise não passou ainda, apenas nos acostumamos com ela. Mas agora que a vacina parece próxima e os ânimos estão melhorando pareceu-nos oportuno liberar o programa sobre o Ebola que tem uma nota de otimismo e que descreve bem como vacinas são feitas e como são importantes para a humanidade. Como curiosidade ouçam próximo ao minuto 13 quando a convidada do programa, a bióloga e imunologista Cristina Bonorino, professora titular da UFCSPA, comenta rápida e despreocupadamente sobre o vírus novo que surgiu na Ásia. Participaram do programa pelo FdC a Carolina Brito e o Marco Idiart, ambos do IF-UFRGS.
    Produção e edição: Marco Idiart
    Créditos da Imagem: NIAID

    Frontdaciência - T11E37 - O Pantanal e o fogo

    Frontdaciência - T11E37 - O Pantanal e o fogo

    O Pantanal, Patrimônio Natural Mundial e Reserva da Biosfera da UNESCO, é a maior planície alagada do mundo e berço de uma enorme biodiversidade. Neste episódio conversamos sobre alguns de seus aspectos, com foco nas características do fogo nesta região e na expedição "Pantanais". Nosso convidado é o Hugo Fernandes-Ferreira, que é biólogo, professor e pesquisador da UECE, além de divulgador científico com apoio do Instituto Serrapilheira. Ele explica que o fogo é algo comum na paisagem pantaneira e usado para muitos fins, mas que os incêndios ocorridos neste ano, e que já se alastraram por mais de 25% do Pantanal, correspondem a recordes históricos e são consequência de fatores naturais, negligência das autoridades e crimes ambientais. Participam da conversa Carolina brito e Jeferson Arenzon, ambos do Departamento de Física da IF-UFRGS.
    Produção e edição: Carolina Brito
    Créditos da Imagem: ilustração de Leticia M. (@eueasplantas) sobre foto de Charles J. Sharpe

    Frontdaciência - T11E36 - Miriani Pastoriza, a vida nas galáxias - parte 1

    Frontdaciência - T11E36 - Miriani Pastoriza, a vida nas galáxias - parte 1

    Miriani Griselda Pastoriza, astrônoma argentino-brasileira, Professora Emérita da UFRGS e integrante da Academia Brasileira de Ciências, trabalha no Departamento de Astronomia do Instituto de Física desde 1978, onde fixou-se após ter de deixar seu país devido à perseguição feita por aquela ditadura militar. Já então uma referência no campo da astronomia extragaláctica, empresta seu nome a toda uma classe de galáxias, as chamadas Galáxias Sersic-Pastoriza, que descreveu com seu orientador ainda no doutorado, em meados dos anos 1960. Incansável caçadora de galáxias, prosseguiu seu trabalho no Brasil e em telescópios localizados no Chile, tendo orientado alguns dos mais importantes astrônomos do país, e inseriu nosso país na era dos grandes consórcios científicos internacionais como o Observatório Gemini, com seus dois telescópios de 8,1 metros, um em cada hemisfério. Esta é a primeira parte de uma entrevista realizada por Carolina Brito (IF-UFRGS) e Jorge Quillfeldt (IB-UFRGS) na qual conhecemos um pouco desta fascinante trajetória pessoal.
    Produção e edição: Jorge Quillfeldt
    Créditos da Imagem: JAQ sobre imagens de Fernando Halal (FURG) e Bruno Gilli (ESO)

    Frontdaciência - T11E35 - Formigas-zumbis

    Frontdaciência - T11E35 - Formigas-zumbis

    Formigas podem ter seu comportamento profundamente alterado por um fungo, o Ophiocordyceps, e passar a servir, mesmo depois de sua morte, como instrumento de propagação para o fungo, contaminando outras formigas. A denominação de formigas-zumbis faz referência aos zumbis da ficção e, curiosamente, acabaram inspirando, por sua vez, os zumbis mais recentes do jogo "The Last of Us". Neste episódio, Jeferson Arenzon e Marco Idiart, ambos do Departamento de Física da UFRGS, conversam com Raquel Gontijo Loreto sobre este fascinante comportamento (que não ocorre somente com formigas), suas origens, mecanismos e mistérios. Raquel é bióloga e mestre em entomologia pela Universidade Federal de Viçosa, doutora pela Penn State University e agora post-doc no Institute Pasteur em Paris, tendo trabalhado por muito tempo com as interações entre essas formigas e o Ophiocordyceps.
    Produção e edição: Jeferson Arenzon
    Créditos da Imagem: David P. Hughes (Penn State University)

Opiniões de clientes

4.7 de 5
398 avaliações

398 avaliações

Quezia Jones ,

Estou amando

Ótimo programa! Temas interessantes e atuais. Professores e convidados excelentes. Minha única sugestão é fazer mais longo, 40-50 min de programa. Acho que pela temática de ensino mesmo. Iria ser show.

Raphael.nunes ,

Misturam ciência com política.

Ciência e opiniões políticas não deveriam andar juntos.

WladViggiano ,

Excelentes conteúdos

Parabéns a todos pela seleção dos conteúdos , muito esclarecedor é bem didático para quem não é profundo conhecedor como eu . Show !!

Top podcasts em Ciência

Ouvintes também assinaram