29 episódios

A Vida Resolve-se Sozinha: Um podcast sobre amor com Catarina Beato

A Vida Resolve-se Sozinh‪a‬ Catarina Beato

    • Sociedade e cultura
    • 4.7 • 143 classificações

A Vida Resolve-se Sozinha: Um podcast sobre amor com Catarina Beato

    Amar o Corpo é possível com Cristiana Santos

    Amar o Corpo é possível com Cristiana Santos

    Em 2013 perdi cerca de 15 quilos. Foi uma viagem de auto-descoberta. Sentia-me capaz de controlar o mundo, assim como controlava aquilo que comia. Nos bastidores existia uma mulher que continuava a ver defeitos ao espelho e para quem nenhum quilo perdido era suficiente. Pesava-me várias vezes ao dia. E, quando acordava, se visse 56,9kg ficava feliz, se a balança marcasse 57,1kg ficava frustrada. 

    A vida continuou, nesta estrada cheia de curvas, contra curvas, lombas de aviso e rectas com vistas maravilhosas: casei, fui mãe outra vez, vi os meus filhos crescerem.Estava com o peso em que supostamente devia sentir-me maravilhosa que vivi os piores meses da minha vida. Assim que tudo isso começou a resolver-se o corpo recuperou todos os quilos perdidos e mais algum.

    Em Janeiro de 2016 pesava novamente 75 quilos e sentia-me uma falhada, envergonhada por ter “voltado a engordar”. Iniciei um processo terapêutico muito poderoso e percebi que eu era muito mais que aquele número. Este corpo estava saudável e treinava. Este corpo transportava as minhas ideias, sonhos e ambições. Este corpo guardava as minhas lutas. Este corpo era lindo, independentemente do peso e da fase da vida. 

    A minha história de vida fez-me estudar mais para poder ajudar outras mulheres. E a propor à psicóloga Cristiana Santos que levássemos essa viagem poderosa ao mundo. O último episódio desta série do podcast é exactamente sobre Amar o Corpo. Se quiserem juntar-se a nós na segunda edição deste programa basta irem a amarocorpo.pt. As inscrições já abriram!

    • 42 min
    #28 Tu tens a tua própria beleza com Carmo Sousa Lara

    #28 Tu tens a tua própria beleza com Carmo Sousa Lara

    Carmo Sousa Lara, tem 33 anos, e é fotógrafa. Vou corrigir: Mu é linda, tem a idade de Jesus e é caçadora de almas. 

    Na verdade, depois da beleza desta mulher o que mais me chamou a atenção foi a sua fé. Percebi ao longo desta conversa que a Igreja foi, de facto, marcante em todas as fases da sua vida. Mas a fé - sentimento de total de crença em algo ou alguém - da Mu vai muito para além do seu Deus. Ela diz-se um furação impulsivo, eu acho que é uma sonhadora com aquele jeitinho que só conhecemos em criança. E isso é apenas um elogio. 

    Neste podcast conversamos sobre esta luta comum de habitar um corpo que chamamos imperfeito. Mas, e principalmente, sobre este desafio de amarmos este mesmo lugar exactamente como é. 

    Também falamos de vida e família. E devo ser a única pessoa que demorei a ler "Sousa Lara" como o apelido único e a perceber o peso disso na vida desta mulher. 

    Sei que peço sempre o mesmo - é assim como dizer "Amo-te" e depois não encontrar palavras "maiores" como diz a Isabel Saldanha (se não ouviram, vão procurar esse episódio). Conheçam o "Projecto Eu" e ouçam a Mu. Ouçam-na e depois marquem uma sessão fotográfica e entreguem-se de corpo e alma (assim, mesmo literalmente) a esse momento de beleza e terapia. Garanto que nunca mais tiram a Mu da vossa vida.

    Esta é a segunda temporada do podcast A vida resolve-se sozinha. Conversaremos com várias mulheres sobre este desafio de uma vida: amar o corpo. 

    Se estas palavras a deixaram a pensar junte-se a mim e à psicóloga Cristiana Santos numa incrível viagem:  

    https://creating-success-ltd.mykajabi.com/amar-corpo 

    Tornem-se em patronos do podcast A Vida Resolve-se Sozinha:  

    https://www.patreon.com/avidaresolvesesozinha

    • 1h
    #27 A vaidade é algo muito bonito com Weza Silva

    #27 A vaidade é algo muito bonito com Weza Silva

    A primeira palavra em que pensamos quando vimos a empresária Weza Silva é elegância. E não é por causa dos vários quilos perdidos sobre os quais lançou um livro em 2017 (Emagrecer com a Weza), ou pelos resultados visíveis de uma vida em que alimentação saudável e o treino estão presentes todos os dias. Quase todos os dias! Porque Weza, empresária (antes hospedeira de bordo e modelo), mãe de dois filhos (liiiiindos), casada e apaixonada pelo jornalista Luís Branco, defende, acima de tudo, o equilíbrio. O amor próprio de uma mulher está em concretizar aquilo que deseja, com o corpo em que quiser viver! “As pessoas devem estar felizes com o corpo que têm. E, se não estão felizes, devem mudar”. Linda, elegante, simples, equilibrada e feliz. Ouçam a Weza, só têm a aprender. Não apenas sobre isto de ser mulher mas também sobre ser mãe e ensinar aos filhos sobre temas tão duros como racismo.

    Esta é a segunda temporada do podcast A vida resolve-se sozinha. Conversaremos com várias mulheres sobre este desafio de uma vida: amar o corpo. Se estas palavras a deixaram a pensar junte-se a mim e à psicóloga Cristiana Santos numa incrível viagem:  

    https://creating-success-ltd.mykajabi.com/amar-corpo  

    Tornem-se em patronos do podcast A Vida Resolve-se Sozinha:  https://www.patreon.com/avidaresolvesesozinha

    • 46 min
    #26 Falemos a sério sobre vidas passadas com Soraia Sequeira

    #26 Falemos a sério sobre vidas passadas com Soraia Sequeira

    Soraia Sequeira, tem 33 anos, é apaixonada pelo mundo do Desenvolvimento Pessoal. Tem sido esta a área em que trabalha e na qual investe na sua formação. Diz que não quer ajudar ninguém porque não está numa posição superior mas que pode ser facilitadora de processos de tomada de consciência e de reencontro de cada pessoa com a sua essência. É crente em Deus mas também na astrologia. É profundamente grata à enteada adolescente por tudo o que lhe ensinado. E é grata pelas sombras da vida, aquelas que a obrigaram a olhar as feridas e curá-las. Conversámos sobre amor próprio, sobre as dores da vida, sobre as sombras e as luzes. Se a serenidade tivesse uma voz, era a da Soraia. Fiquem e ouçam-na. 

    Esta é a segunda temporada do podcast A vida resolve-se sozinha. Conversaremos com várias mulheres sobre este desafio de uma vida: amar o corpo. Se estas palavras a deixaram a pensar junte-se a mim e à psicóloga Cristiana Santos numa incrível viagem:  https://creating-success-ltd.mykajabi.com/amar-corpo  

    Tornem-se em patronos do podcast A Vida Resolve-se Sozinha:

     https://www.patreon.com/avidaresolvesesozinha

    • 1h 2 min
    #25 Uma história de amor próprio com Sónia Morais Santos

    #25 Uma história de amor próprio com Sónia Morais Santos

    No meu mundo toda a gente sabe quem é a Sónia Morais Santos. Ou talvez cheguem lá mais rápido se eu disser "a Cocó". Jornalista de profissão e de coração na infinita capacidade de contar histórias. Mãe de quatro filhos e ponto final (se ouvirem o episódio perceberão que não foi um processo nada simples de assumir). Casada com o Ricardo, numa história de amor lindíssima, e prova de que vale pena investir numa relação feliz. Apreciadora das coisas boas da vida, decidiu fazer uma intervenção estética porque acreditava verdadeiramente que mudaria a sua vida para melhor. Falámos sobre tudo isto, com muito foco na relação com o corpo. Fiquem, ouçam e aprendam.

    Esta é a segunda temporada do podcast A vida resolve-se sozinha. Conversaremos com várias mulheres sobre este desafio de uma vida: amar o corpo. Se estas palavras a deixaram a pensar junte-se a mim e à psicóloga Cristiana Santos numa incrível viagem:
    https://creating-success-ltd.mykajabi.com/amar-corpo

    • 42 min
    #24 Amar os outros como a ti mesmo com o padre Paulo Duarte

    #24 Amar os outros como a ti mesmo com o padre Paulo Duarte

    Fazer um podcast é aprender alguma coisa em todos as conversas. Alguns temas (e convidados) são-me mais próximos, outros vou cheia de medo porque a sua realidade é distante da minha. São muitas vezes os episódios em que sou surpreendida. Queria, desde o início, conversar com um Padre. Sou uma mulher de fé (fé antropológica, aprendi) mas não acredito em Deus (apesar do meu profundo respeito pela história de Jesus).

    Paulo Duarte é um homem muito bonito, de uma cultura infinita. Já trabalhou como comissário de bordo, hoje é professor, psicólogo e outra quantidade de profissões que cabem naquilo que faz. Apaixonado pela dança, acredita no poder do silêncio com a mesma intensidade que defende a importância de falar e escutar. Paulo Duarte é padre jesuíta e a única pessoa que me fez entender o voto de castidade. E que fala de uma forma assustadoramente bonita e lúcida sobre a existência do corpo e da mente, no amor e em tudo na vida. Quem diria que "amar ao próximo como a si mesmo" encerraria tantas lições de amor próprio.

    Este é um podcast sobre amor. E este é um episódio especial, ou não fosse aquele em que estivemos mais perto do céu.

    • 1h 8 min

Críticas de clientes

4.7 de 5
143 classificações

143 classificações

CSFigueiredo ,

Que inspiração!

Bom dia direto da Austrália! 🇦🇺

Que podcast MARAVILHOSO. Em outubro de 2019 parti do nosso Portugal para realizar a viagem dos meus sonhos (Nova Zelândia e Austrália). Está a ser incrível confesso, está a superar completamente as minhas expectativas! Que viagem de auto-descoberta...
O teu podcast ajuda-me a matar as saudades de ouvir o nosso Português, e os temas e convidados são super inspiradores. Gratidão por todo o empenho e dedicação que aplicas neste projeto, que consigo sentir mesmo com toda a distância que nos separa. Um abraço apertado e ansiosa pela próximo episódio! 🤗♥️

tcufugu ,

The product you make still has a bit of incomplete, so please review. .))

The product you make still has a bit of incomplete, so please review. .))

Mxinoca ,

Entrevista ao P. Paulo Duarte sj

Escrevo esta review ainda só baseada no único episódio que ouvi: a entrevista ao Padre Paulo Duarte sj. A conversa entre uma não crente assumida e um padre que dança foi a prova de que crentes e não crentes podem falar a mesma linguagem se conseguirem baixar as guardas dos preconceitos e das moralizações. Sou crente e identifico-me totalmente com a espiritualidade inaciana, e em particular com esta ideia de estarmos todos a caminho da nossa verdade, e de Deus para os que acreditam. Também com esta atitude de liberdade, que não valoriza beatices e farisaísmos e que, assim, abre espaço para a relação profunda com Deus, com os outros e connosco mesmos. Muitos parabéns pela entrevista, Catarina! Muito obrigada pela partilha, Paulo!

Top de podcasts em Sociedade e cultura

Outros ouvintes também assinaram